O Sacratissimum Cor Iesu

[Fonte: Preces Latinae; peço desculpas por não dispôr de uma tradução.]

O Sacratissimum Cor Iesu, Tu beatae Margaritae Mariae desiderium regnandi super christianas familias pandisti: ecce ut tibi placeamus adsumus hodie, ut plenum tuum super nostram familiam imperium proclamemus. Volumus deinceps tuam vitam vivere, volumus in sinu familiae nostrae florere virtutes, quibus Tu in terris pacem promisisti, volumus longe arcere a nobis spiritum mundi, quem Tu damnasti. Tu regnabis in mente nostra fidei nostrae simplicitate, in corde nostro tui solius amore, quo flagrabit erga te et cuius vivam servabimus flammam frequenti divinae Eucharistiae receptione. Dignare, Cor divinum, nobis praeesse in unum convenientibus, benedicere negotiis spiritualibus et temporalibus, arcere molestias, sanctificare gaudia, poenas levare. Si quando misere quis nostrum in tantum aerumnam inciderit ut te affligat, fac in memoriam illi redigas, Cor Iesu, te cum peccatore, quem paenitet, plenum esse bonitatis et misericordiae. Et quum hora separationis insonuerit et mors in familiae nostrae sinum luctum intulerit, nos omnes, sive abeuntes sive manentes, tuis aeternis decretis nos subiiciemus. Hoc solatio erit nobis, animo recogitare venturum esse diem, in quo familia nostra, in caelo coniuncta, tuam gloriam, tua beneficia in aeternum cantare poterit. Dignetur Cor immaculatum Mariae, dignetur gloriosus Patriarcha sanctus Ioseph tibi hanc consecrationem offerre, eiusque vivam in nobis singulis diebus vitae nostrae conservare memoriam. Vivat Cor Iesu, Regis et Patris nostri! Amen.

Gostou? Compartilhe!Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someonePrint this page

2 thoughts on “O Sacratissimum Cor Iesu

  1. Renato

    Uma tentativa de tradução:

    Ó Sacratíssimo Coração de Jesus, vós revelastes à beata Margarida Maria o desejo de reinar sobre as famílias cristãs: eis que aqui estamos hoje para vos satisfazer, para proclamar vosso pleno poder sobre nossa família. Desejamos para logo viver a vossa vida, desejamos que no seio de nossa família floresçam as virtudes pelas quais vós prometestes a paz na terra, desejamos manter afastado de nós o espírito do mundo, que vós condenastes. Vós reinareis em nossa alma pela simplicidade da nossa fé, em nosso coração pelo exclusivo amor de vós, no qual amor ele se abrasará por vós e cuja chama conservaremos viva no recebimento freqüente da divina Eucaristia. Dignai-vos, Coração Divino, nos guiar para a união, nos abençoar os negócios espirituais e temporais, nos afastar as moléstias, nos santificar as alegrias, nos aliviar as penas. Se em algum tempo um de nós miseravelmente incidir em tamanha desgraça que vos ofenda, fazei recordar-lhe, ó Coração de Jesus, que vós sois pleno de bondade e misericórdia para com o pecador que se arrepende. E quando soar a hora da despedida e a morte lançar o luto no seio da nossa família, nós todos, já os que partem, já os que ficam, nos submeteremos aos vossos eternos decretos. Ser-nos-á motivo de consolação o meditar que há de vir o dia em que nossa família, reunida no céu, poderá cantar eternamente a vossa glória e os vossos benefícios. Digne-se o Imaculado Coração de Maria e o glorioso Patriarca São José oferecer-vos esta consagração e dela nos conservar a viva memória em cada dia de nossa vida. Viva o Coração de Jesus, Nosso Rei e Nosso Pai! Amen.

  2. Erickson

    Tem outra do site http://www.derradeirasgracas.com

    SAGRADO CORAÇÃO de Jesus, que manifestastes a Santa Margarida Maria o desejo de reinar sobre as famílias cristãs, nós vimos hoje proclamar vossa realeza absoluta sobre a nossa família.

    Queremos, de agora em diante, viver a vossa vida, queremos que floresçam, em nosso meio, as virtudes às quais prometestes, já neste mundo, a paz.

    Queremos banir para longe de nós o espírito mundano que amaldiçoastes.

    Vós reinareis em nossas inteligências pela simplicidade de nossa fé; em nossos corações pelo amor sem reservas de que estamos abrasados para convosco, e cuja chama entreteremos pela recepção freqüente de vossa divina Eucaristia.

    Dignai-Vos, Coração divino, presidir as nossas reuniões, abençoar as nossas empresas espirituais e temporais, afastar de nós as aflições, santificar as nossas alegrias, aliviar as nossas penas.

    Se, alguma vez, algum de nós tiver a infelicidade de Vos ofender, lembrai-Vos, ó Coração de Jesus, que sois bom e misericordioso para com o pecador arrependido.

    E quando soar a hora da separação, nós todos, os que partem e os que ficam, seremos submissos aos vossos eternos desígnios. Consolar-nos-emos com o pensamento de que há de vir um dia em que toda a família, reunida no Céu, poderá cantar para sempre a vossa glória e os vossos benefícios.

    Digne-se o Coração Imaculado de Maria, digne-se o glorioso Patriarca São José apresentar-Vos esta consagração e no-la lembrar todos os dias de nossa vida. Viva o Coração de Jesus, nosso Rei e nosso Pai