Sucessão em Recife – a [cretina] repercussão

closeAtenção, este artigo foi publicado 8 anos 1 mês 17 dias atrás.

Diário de Pernambuco:

Dom Fernando fala ao Diario já como subsituto de Dom José.

Padres repercutem a volta de Dom Saburido para a Arquidiocese de Olinda e Recife.

Leia a carta de Dom Saburido a Dom José Cardoso [documentação].

Dom José divulga nota sobre anúncio de Dom Fernando Saburido [documentação].

Jornal do Commercio:

Nomeado o novo arcebispo da arquidiocese de Olinda e Recife.

Saburido vai suceder um homem forjado na disciplina e obediência.

Minha frase pra Dom José é já vai tarde, diz ex-pároco de Água Fria.

Brasil afora:

Papa destitui bispo de PE que puniu vítima de estupro.

Meus comentários

Era relativamente esperado. Vários nomes foram cogitados ao longo deste ano; falou-se em Dom Orani, em Dom Fernando Guimarães, em Dom Stringhini, em Dom Saburido. O bispo nomeado, natural do Cabo de Santo Agostinho e que já foi auxiliar da Arquidiocese, era realmente a possibilidade mais concreta.

O que posso falar sobre Dom Saburido? Não muita coisa, infelizmente. Não me recordo do tempo em que ele esteve auxiliando Dom José Cardoso. Também não sei como ele estava governando a Igreja em Sobral. Só posso manifestar os meus desejos e as minhas orações; fazendo minhas as palavras de Dom José Cardoso [na nota acima linkada], que Dom Fernando Saburido possa continuar “a anunciar o evangel[h]o de Jesus Cristo, com fidelidade e perseverança, colaborando com os irmãos no episcopado e em plena comunhão com o Vigário de Cristo na Terra”. E, no brinde a Sua Excelência feito à hora do almoço com um amigo, que ele tenha uma vida longa e santa. Mais santa do que longa, como convém a um bispo católico.

Sobre a sabotagem da mídia, era também mais do que esperado. É óbvio que não dá para dar crédito a tudo, porque a mídia odeia Dom José Cardoso e não perde a oportunidade de denegrir-lhe a imagem e semear a cizânia no seio da Igreja. Não há dúvida alguma de que, naquilo que a grande mídia puder fazer para afastar a imagem de Dom José Cardoso da de seu sucessor, ela vai se empenhar. Importa oferecer resistência; se houver alguma ruptura no governo desta Arquidiocese, ela não será provocada pelo Quarto Poder.

Quanto a nós, estamos com um misto de alívio e de apreensão. Não tínhamos – e bem o sabíamos – muitas opções, como comentei aqui há alguns meses. Precisamos de orações, para que Recife não mude do vinho para o vinagre, para que o trabalho de uma vida de Dom José Cardoso Sobrinho possa encontrar um sucessor à altura. Que a Virgem Santíssima, Auxilium Christianorum, olhe por S. E. R. Dom Fernando Saburido. Que o Deus Altíssimo tenha misericórdia dos fiés desta Igreja Particular que – a duras penas! – esforçamo-nos por ser fiéis a Ele.

Gostou? Compartilhe!Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someonePrint this page