Dom José Cardoso Sobrinho: A Vitória da Fé

closeAtenção, este artigo foi publicado 8 anos 25 dias atrás.

O Exsurge, Domine! fez a recomendação primeiro, mas eu faço questão de enfatizá-la: é uma verdadeira pérola o livro do professor Dr. Elcias Ferreira da Costa, “Dom José Cardoso Sobrinho: – a Vitória da Fé” (Ed. do Autor, Recife, 2009), recém adquirido por mim. Está sendo vendido aqui em Recife na Flor do Carmelo, ao preço de 35 reais cada exemplar. Caso alguém deseje contactar o autor, pode utilizar o seu email disponiblizado na própria edição: [email protected].

Fonte documental primorosa – inclusive revisado pela irmã do senhor Arcebispo -, o livro possui quinhentas páginas repletas de fotos, recortes de jornais, reproduções de documentos da cúria e de cartas escritas pelo próprio Arcebispo ou por membros do clero, ao longo dos últimos 23 anos. Gostaria de reproduzir aqui o índice, mas ele é muito longo. Entre os capítulos tratados, podemos encontrar coisas como “Papa demonstra expressivo apoio a Dom José Cardoso Sobrinho, aprovando mais uma vez todas as suas decisões pastorais”, “Fiéis integralmente solidários com Dom José Cardoso Sobrinho, em 29/10/89, lotam a igreja de São Bento, em Olinda, prestando solene manifestação”, “Na véspera do Natal [de] 1989, 60 sacerdotes da Arquidiocese de Olinda e Recife censuraram seu próprio Arcebispo em manifesto publicado nos principais jornais da capital”, “No dia 18/01/90, milhares de fiéis, sacerdotes e religiosos lotam o pátio do Palácio dos Manguinhos e parte da Avenida Rui Barbosa, em desagravo ao Arcebispo”, “Frei Al[o]ísio Fragoso publica veemente nota de censura aos bispos do NORDESTE II, por terem manifestado solidariedade a Dom José Cardoso” (!!) e “Dom José Cardoso Sobrinho se oferece para substituir como refém dos presos amotinados no Presídio Aníbal Bruno, o Pe. Bibolet e companheiros da Pastoral Carcerária, seqüestrados pelos detentos em rebelião”.

É uma preciosidade. Folheando-o ao acaso, encontro a nota de frei Aloísio à página 278: “Será que o episcopado da Região se sente lúcido ao se apresentar à Igreja e à opinião pública identificado com as ações e as palavras do arcebispo de Olinda e Recife, que têm provocado progressivamente a desaprovação e a rejeição da sociedade, expressa publicamente por pessoas e entidades da maior significação social?”. É uma piada: esta nota foi escrita pelo próprio franciscano e mais três leigos. Avanço algumas páginas, e vejo que 60 sacerdotes do clero assinaram um manifesto “ao povo da Arquidiocese de Olinda e Recife” (p. 289), na véspera do Natal de 1989. Comenta o dr. Elcias: “Nem gloria in excelsis Deo, nem pax homínibus bonae voluntatis, nem vôo de anjos no céu, mas solidariedade com todos os insultos que haviam sido dirigidos por alguns padres contra o Arcebispo e solidariedade, ainda, com os atos de indisciplina e de rebeldia publicamente praticados. Em lugar de Noite Feliz, qualquer coisa parecida com um pressago non serviam” (p. 288). A resposta do povo: “na tarde de ontem [18/01/90], quinta-feira, o povo católico da Arquidiocese compareceu em massa ao Palácio do Manguinho (sic), a fim de prestar grande homenagem ao seu querido Arcebispo, Dom José Cardoso Sobrinho. (…) Presentes, além de 91 (noventa e um) sacerdotes, inúmeras religiosas de várias Congregações sediadas na Arquidiocese e representações de todos [os] Movimentos e Associações, que aqui funcionam, como Apostolado da Oração, Círculo Católico, Comissão de Justiça e Paz, Focolarinos, Mães Cristãs, Movimento Eucarístico Arquidiocesano, OAF (Organização do Auxílio Fraterno), Ordem Terceira do Carmo, Renovação Carismática, Serra Clube, representantes das paróquias, etc.” (p. 310).

Dá vontade de continuar lendo e de colocar mais coisas aqui; mas para uma indicação de leitura já está de bom tamanho, pois terei oportunidades de voltar a citar o livro – que é mais do que recomendado. Registro os meus sinceros agradecimentos ao Dr. Elcias Ferreira da Costa, por trazer a lume uma obra de tamanha importância para a compreensão da Arquidiocese de Olinda e Recife, da qual tenho a graça de fazer parte.

P.S.: O livro também está sendo vendido na sede do Círculo Católico.

Rua do Riachuello, edf. Círculo Católico, numero 105.
Telefone: (81) 3222-4816

Gostou? Compartilhe!Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someonePrint this page

4 thoughts on “Dom José Cardoso Sobrinho: A Vitória da Fé

  1. Pingback: Deus lo Vult! » Curtas