Campina Grande: Revista Vila Nova e membro da Família Imperial

closeAtenção, este artigo foi publicado 5 anos 9 meses 1 dia atrás.

[Apresento matéria conforme me foi enviada por email por amigos de Campina Grande, com apenas algumas mínimas alterações em relação ao release. É uma honra que um membro da Família Imperial venha ao nordeste – à nossa Paraíba! A Campina Grande! – para participar do lançamento da revista católica “Vila Nova”, produzida pela Sociedade São Bento. Que os frutos desta santa iniciativa sejam abundantes, e que a Virgem Santíssima – Medianeira de todas as graças – possa alcançar do Seu Divino Filho um bom êxito para esta empreitada.]

MEMBRO DA FAMÍLIA IMPERIAL
VISITA CAMPINA GRANDE

A convite do grupo católico Sociedade São Bento, formado por jovens intelectuais, a cidade de Campina Grande (PB) recebe, entre os dias 20 e 23 de novembro, Sua Alteza Imperial e Real, o Príncipe D. Bertrand de Orléans e Bragança.

O Príncipe Imperial do Brasil é trineto de D. Pedro II, bisneto da Princesa Isabel e irmão do Chefe da Casa Imperial Brasileira, D. Luiz de Orleans e Bragança. Nascido em fevereiro de 1941, Dom Bertrand Maria José Pio Januário Miguel Gabriel Rafael Gonzaga de Orléans e Bragança e Wittelsbach é figura expressiva no movimento imperial brasileiro e, caso o Brasil fosse uma monarquia, ele seria o segundo candidado a pleitear o trono do país sul-americano.

Dentre as várias atividades agendadas para o príncipe, está a palestra que ele irá proferir no lançamento da Revista Vila Nova que será realizado em ato solene no auditório da FIEP, às 19h30 da segunda-feira (21 de novembro), a qual terá como tema norteador: Brasil, um país predestinado a um futuro glorioso.

Sobre a revista Vila Nova

A Revista Vila Nova foi fecundada a partir do desejo dos membros da Sociedade São Bento de fomentar a cultura intelectual. Em sua maioria filhos de Campina Grande, enxergaram na escassez intelectual da cidade uma ótima oportunidade de lançarem um produto diferenciado e ao mesmo tempo de dar um pontapé inicial na restauração cultural da Rainha da Borborema.

A revista traz em seu conteúdo diversificado matérias sobre esporte, moda, política, cultura e arte no geral, além de entrevistas e, como não poderia deixar de ser, visto a origem do grupo, matérias relacionadas à doutrina católica.

Seu nome foi dado em homenagem à cidade de Campina Grande, antes chamada de Vila Nova da Rainha.

A Sociedade São Bento (SSB)

Fundada em 2010 pelos então estudantes do curso de direito da Universidade Estadual da Paraíba – Mateus Mota, Diego Erick, Bruno Roberto, Danilo Mendes, Pedro Silva e Taiguara de Souza, todos consagrados pelo método S. Luís de Montfort* -, a Sociedade São Bento promove cursos de Doutrina Católica em diversas paróquias da cidade.

Inicialmente formada pelos seis membros, a SSB vem atraindo para si cada vez mais integrantes. Contando hoje com nove membros, tem o intuito de expandir o reinado social de Jesus Cristo, propagar a devoção à Maria e resgatar a cultura erudita, base da civilização ocidental.

*Método de consagração a Jesus Cristo pelas mãos da Virgem Maria, pelo qual a pessoa consagrada entrega todos os seus bens temporais e espirituais aos cuidados de Nossa Senhora; Esse método foi ensinado por São Luís Maria Montfort no exemplar Tratado da verdadeira devoção à Santíssima Virgem. Também foram consagrados por este método o Papa João Paulo II e Madre Tereza de Calcutá.

Gostou? Compartilhe!Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someonePrint this page

3 thoughts on “Campina Grande: Revista Vila Nova e membro da Família Imperial

  1. Eduardo

    Grande Jorge! Foi um prazer imenso lhe conhecer e ouvir a história do tão falado terno! rssrsrsrs

    Foi uma palestra memorável e um coquetel magnífico!

    Abraços!

  2. Pingback: Quem foi rei nunca perde a majestade | Deus lo Vult!