Papa Francisco: “Confessar a Fé! Toda, não uma parte!”

closeAtenção, este artigo foi publicado 3 anos 4 meses 19 dias atrás.

A fé é confessar Deus, mas o Deus que se nos revelou, desde o tempo dos nossos pais até hoje; o Deus da história. E isto é aquilo que nós todos os dias recitamos no Credo. E uma coisa é recitar o Credo com o coração, outra é fazê-lo como os papagaios, não é? Creio, creio em Deus, creio em Jesus Cristo, creio… Eu creio naquilo que digo? Esta profissão de fé é verdadeira ou digo-a de memória, porque se tem que dizer? Ou creio pela metade? Confessar a fé! Toda, não uma parte! Toda! E esta fé, guarda-la toda, como chegou até nós, pelo caminho da tradição: toda a fé!

Papa Francisco,
Homilia na Domus Sanctae Marthae,
10 de janeiro de 2014

Gostou? Compartilhe!Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someonePrint this page

22 thoughts on “Papa Francisco: “Confessar a Fé! Toda, não uma parte!”

  1. Junior

    É isso que se espera do Vigário de Cristo!! Viva o Papa!!

    DEO GRATIAS!!

  2. Renato Lima

    Melhor é você ouvir o que tem a dizer o Leonardo Bruno no programa “Voz ocidental – 30 de dezembro de 2013 – Sobre o papa e o clero católico”

    http://cavaleiroconde.blogspot.com.br/2014/01/voz-ocidental-30-de-dezembro-de-2013.html

    Apesar de Leonardo Bruno ser um católico neo-conservadozinho, pelo menos ele parece aos poucos abrir os olhos em relação ao Francisco.

    Será que você terá coragem de falar sobre as “doces palavras” de Francisco?

    Rezo pela sua recuperação, mas isso não te dá o direito de esconder as abobrinhas de Francisco.

  3. Jorge Ferraz (admin) Post author

    Renato,

    Simplesmente não se entende como um post que é a divulgação explícita e literal das palavras do Papa Francisco em homilia recente possa estar “escondendo” as palavras dele! Por favor, arranje uma desculpa menos absurda para a sua má vontade para com o Vigário de Cristo.

    Abraços,
    Jorge

  4. Renato

    Bergoglio como todo modernista sabe que muitos dos dizeres dele são escandalosos; muito do comportamento de Bergoglio é escandaloso. Ele sabe disso. Bergoglio sabe que não pode ficar dando muita bandeira por ai, pois vai entregá-lo como um anti-papa.

    Bergoglio sabe também que uma reação de católicos aos escândalos dele vai acontecer, por isso ele tentar ao máximo esconder o seu catolicismo de faxada a La Vaticano II dizendo de vez em quando palavras condizentes com a Fé Católica para enganar os incautos: Montini , Wojtyla e Ratzinger já faziam isso como ninguém.

    Eles sabiam e sabem que se eles mostrarem uma outra doutrina criada pela igreja conciliar, virá uma reação automática. Por isso quando a sequencia de escândalo é muito grande, esses “papas” tem que de vez em quanto aparecer e dizer palavras católicas: Por isso as palavras contra o aborto (cada vez mais rara, principalmente da boca de Bergoglio) e a união de pessoas do mesmo sexo (essas cada vez mais raras ainda. Provavelmente sumirá da boca de Bergoglio durante o seu “pontificado”).

    É tão raro esses “papas” da igreja conciliar falar sobre esses pecados gravíssimos que quando falam contrários a eles, muitos católicos conservadores populares como você e Felipe Aquinio quase soltam fogos de artifícios dizendo que eles ainda são “fiéis a Doutrina da Igreja”.

    Acabou, Jorge. Bergoglio vai acabar com a tática dos católicos conservadores populares de tentar o tempo todo, em uma papolatria sem fim, justificar o injustificável que sair da boca dele. Vocês católicos populares não terão mais saída com Bergoglio.

    Você por acaso ouviu os dizeres do Leonardo Bruno?

    Apesar do Leonardo Bruno ser um católico neo-conservador, concordo com ele que a atitude de Bergoglio em receber membros dos terroristas do MST vai trazer uma carnificina para o Brasil (e também para a America Latina).

  5. ctm

    Renato. O que é um anti papa? é um papa a serviço do demônio?
    Quando cristo falou pro primeiro papa :Tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei A MINHA IGREJA, e as portas do inferno não prevalecerão contra ELA.
    Depois de mais de 2000 anos , Deus largou a Igreja na mão do demônio?
    Ele pode não falar e agir do jeito que você gostaria , mais ser um anti papa vermelhinho que vai liberar aborto ; casamento gay etc..
    tenha mais fé na igreja de cristo, isso não vai acontecer .

  6. Renato

    ctm, tenho fé em Cristo Jesus e em seu Corpo Mistico a Santa Igreja Católica Apostólica Romana, não na igrejinha conciliar do Vaticano II.

    Sobre antipapa:

    http://roberto-cavalcanti.blogspot.com.br/2011/05/um-papa-nao-e-papa-em-virtude-da-crenca.html#comment-form

    http://roberto-cavalcanti.blogspot.com.br/2013/02/o-grande-cisma-ocidental-e-o-que-ele.html#comment-form

    Deus não abandona a Sua Igreja, mais pune os seus filhos por desobediência.

    ctm, quando Bergoglio mostrar que não é um Papa legítimo e quando os escândalos dele não der mais para esconder e justificar, promete que você não perderá a fé e não colocará a culpa na Verdadeira Igreja Católica Apostólica Romana e sim colocará a culpa nos “papas” conciliares e na igreja conciliar?

    Promete?

    Os escândalos de Wojtyla e Ratzinger irão aparecer, acredite: No caso de Wojtyla a imprensa mundial só está a esperar vir a “canonização” dele acontecer pela igreja conciliar para começar a estampar a vida escandalosa dele para todos verem como a igreja tem como “santo” um homem escandaloso. O caso de Ratzinger virá com o tempo.

    Então pergunto outra vez: Você reconhecerá que católicos te alertaram sobre a farsa da igreja conciliar e não perderá a sua fé?

  7. Lucas.

    Caro Renato.

    Seria muito mais honesto,tu dizer que és sedevacantista.

  8. Renato

    Lucas, eu sou Católico Apostólico Romano. Mas como não sigo a igreja conciliar do Vaticano II, pode me chamar de sedevacantista.

  9. Renato

    Duddu Pontes, não fique escandalizada quando Bergoglio começar aprontar das suas. Ai veremos quem precisa de tratamento psicológico.

  10. ctm

    Renato gostei dos textos que você mandou , mas tem uma parte que ele diz que :

    :O Antipapa Anacleto II e os antipapas do Cisma Ocidentais eram católicos e, portanto, eram antipapas católicos. Porém, os antipapas da igreja do Vaticano II eram e são notórios heréticos e, conseguintemente, antipapas não-católicos.

    Faltou explicar a heresia dos papas do vaticano ii .tem algum texto sobre essas heresias do vaticano ii. é a missa no formato novo?

  11. Wilson Ramiro

    Caro Renato.

    Cristo é e sempre foi cabeça de uma só igreja, a qual Ele zela, mantém e protege. Dizer que um Papa ou outro não faz o que você MANDA ele fazer é uma coisa, mas dizer que a Igreja de Cristo não existe mais, é muita burrice para um “sedizente católico” católico.

    A igreja pré conciliar ou ela é a mesma Igreja pós conciliar ou ela NÃO existe mais.

    Teu cristo não é o meu Cristo, meu Cristo não governa igreja pré ou pós.
    Você é apenas mais um a destruir o que não entende e não ama.

  12. Wilson Ramiro

    Tem gente que quer salvar a Igreja que tem Cristo como cabeça, pra lá de presunção!

    Li uma vez e não lembro aonde, com relação a um ateu e dizia:
    “Antes de a inexistência de Deus ter fincado raízes na mente do ateu, o seu coração desejou muito que Deus não existisse”

    Assim como um ateu que não mata Deus no mundo, mas o tenta destruir na sua alma. Também um mau tradicionalista ou um mau Papa, ou um mau católico, jamais teria condições de reduzir a Igreja de Deus no Mundo, mas destrói a Igreja em seu coração. A Igreja, mantida por Cristo, no mundo, nunca correrá perigo, mas a igreja no teu, no meu coração é tarefa de cada um manter e ajudar seu irmão a manter.

    Não diga que a Igreja de Cristo não vale mais nada, se tiver que dizer, diga que você quer uma igreja do teu jeito e não concorda com a Igreja de Cristo.

    … e siga o teu caminho.

  13. Fábio

    Pronto, ele assumiu, ele é sedevacantista! Agora vocês ainda vão perder tempo?

    Eu vim da RCC e por um bom tempo olhei os blogs, sites neo conservadores, tive uma boa promiscuidade com eles.

    Esperam o discurso do Papa e com lupa procuram “erros”, usam de interpretação analógica, extensiva, finalística, tudo que for necessário para “pegar” o Papa. Torcem para o Papa dizer algo errado para apontar erros, para dizer, “eu avisei”.

    Eu nunca vi tanto ódio e raiva nesse meio. Eu sei dos problemas do CVII, sou favorável à “missa antiga”, sei de toda a crise da Igreja, mas graças a Deus, mais uma vez, Deus me abriu os olhos.

    Sem dúvida, o mal é maior no meio neo conservador que na RCC. A RCC é ignorância pura, já no meio neo conservador é maldade mesmo, hipocrisia e farisaísmo puro.

    PS: CVII foi um concílio legitimo, eles esperam uma condenação, vão morrer esperando. O máximo que vai acontecer são emendas, esclarecimentos em muitos pontos, enfim, tomara que isso acontece em breve. Mas uma condenação, nunca! Concílio legítimo, assim como a missa nova. Não é ideal, mas é legítima, válida, e quem é católico tem que aceitar.

  14. Renato

    Wilson Ramiro, leia:

    http://roberto-cavalcanti.blogspot.com.br/2011/05/um-papa-nao-e-papa-em-virtude-da-crenca.html#comment-form

    http://roberto-cavalcanti.blogspot.com.br/2013/02/o-grande-cisma-ocidental-e-o-que-ele.html#comment-form

    Satanás já colocou inimigos de Cristo Jesus e de Sua Santa Igreja para tentar tomar o trono de São Pedro para usurpá-la. No passado católicos verdadeiros combatiam os anti-papas. Hoje é só ver o que o Vaticano II criou em matéria de militância católica: Nada.

    Quem denuncia os anti-papas é visto como lunático. O Vaticano II foi uma artimanha de Satanás contra a Santa Igreja Católica Apostólica Romana. Só não vê quem não quer.

    Quero ver se alguém aqui terá coragem de pegar em armas para defender a Madre Igreja. Eu disse Madre Igreja, não a igreja conciliar. Vocês mesmo s católicos conservadores populares não defenderão a igreja conciliar. E se defenderem, terão como companhia Leonardos Boffs, Frei Bettos,…

  15. wilson ramiro

    Caro Renato.

    Gostei muito dos textos que você indicou, não porque justifiquem sua posição, mas sim, porque as desmascaram.

    A igreja pré conciliar que você tenta vender estaria tão carregada de erros, quanto vocês que a defendem querem fazer acreditar??
    “…não significa que eles sejam verdadeiros papas, mas somente que Deus está punindo os católicos e católicos nominais pelos seus grandes pecados….”
    Dizem isto afirmando que Deus deixou a confusão acontecer na Igreja, ascensão de anti papas, como punição pelos pecados desta! São contra o Concílio Vaticano II ao mesmo tempo que dizem que a Igreja pré conciliar estava tão cheia de erros que Deus resolveu castigá-la.

    As evidências críveis de existir agora anti papas deve estar no umbigo de vocês. Por favor exponham e execrem Francisco ou calem-se.
    “…E nós aprendemos que católicos são responsáveis e obrigados a opor-se a um anti papa e expô-lo se eles tiveram evidências críveis que ele não seja o verdadeiro papa, como fizeram São Bernardo e São Norberto….”
    evidências críveis, evidências críveis, evidências críveis.

    A igreja pré conciliar havia eleito João XXIII e agora dizem que querem restaurar uma igreja que nos deu um anti papa?? Vocês defendem o que?
    “…E como o Vaticano II, o Concílio de Constância começou como um falso concílio, tendo sido convocado por um anti papa….”

    As premissas eram diabólicas e gerou a conclusão herética, padrão de cismáticos.
    “… Aprendendo isso, podemos ajudar a ver claramente que o que nós provamos em bases doutrinais, … “
    Muito BLÁ, BLá, blá,

  16. Frazão

    Pelo que estou notando, o post do Jorge teve a virtude de mostrar a ignorância de uns comentaristas (que aqui estão se digladiando), em relação ao capítulo 12 de Mateus, e a prepotência e intolerância de outros, sem darem contas de que estão em desacordo com Mt 26,52 e 1Cor 1,10 e segs.
    Como alguns aqui, possivelmente, desconhecem, e outros não terão a disposição de ver, o que neles está escrito, tomo a liberdade de transcrevê-los.
    Eis o que diz parte de Mt 12, especificamente os versos:
    “22. Apresentaram-lhe, depois, um possesso cego e mudo. Jesus o curou de tal modo, que este falava e via. 23. A multidão, admirada, dizia: Não será este o filho de Davi? 24. Mas, ouvindo isto, os fariseus responderam: É por Beelzebul, chefe dos demônios, que ele os expulsa. 25. Jesus, porém, penetrando nos seus pensamentos, disse: Todo reino dividido contra si mesmo será destruído. Toda cidade, toda casa dividida contra si mesma não pode subsistir. 26. Se Satanás expele Satanás, está dividido contra si mesmo. Como, pois, subsistirá o seu reino?”
    Já em Mt 26,52 é dito:
    “52. Jesus, no entanto, lhe disse: Embainha tua espada, porque todos aqueles que usarem da espada, pela espada morrerão.”
    Para não ficar incompleta a sequência do raciocínio a respeito da dissidência entre facções dentro do catolicismo, leiam o que é dito em 1Cor 1,10 e seguintes, com destaque para os versos 12 e 13, a respeito das dissensões na igreja de Corinto, onde é dito:
    “ 12. Quero dizer, com isso, que cada um de vós diz: Eu sou de Paulo, e eu, de Apolo e eu, de Cefas, e eu, de Cristo. 13. Está Cristo dividido?[…]”.
    Será que é preciso que um não católico lembre alguns fiéis dessa instituição secular, que ela, apesar dos pesares, não pode ser levada a uma situação de descrédito por essa lenga-lenga em vários sites e blogs católicos?
    E depois vêm querer exigir tolerância por parte de fiéis de outro credos, se vocês não se toleram?!
    Abraços. Frazão

  17. Wilson Ramiro

    Caro Frazão

    O pecado existe, e o perdão deve ser buscado EM DEUS.
    Alertar contra o erro e ajudar a quem deseja o perdão, não é opção do católico, é uma obrigação.

    Quem não está comigo está contra mim; e quem não ajunta comigo, espalha.
    Por isso, eu vos digo: todo pecado e toda blasfêmia serão perdoados aos homens, mas a blasfêmia contra o Espírito não lhes será perdoada.
    Todo o que tiver falado contra o Filho do Homem será perdoado. Se, porém, falar contra o Espírito Santo, não alcançará perdão nem neste século nem no século vindouro.
    Ou dizeis que a árvore é boa e seu fruto bom, ou dizeis que é má e seu fruto, mau; porque é pelo fruto que se conhece a árvore.
    Raça de víboras, maus como sois, como podeis dizer coisas boas? Porque a boca fala do que lhe transborda do coração.
    O homem de bem tira boas coisas de seu bom tesouro. O mau, porém, tira coisas más de seu mau tesouro.
    Eu vos digo: no dia do juízo os homens prestarão contas de toda palavra vã que tiverem proferido.
    É por tuas palavras que serás justificado ou condenado.
    (Mt 12,30-37)
    Você pretende alcançar a salvação por conta própria? Sem a misericórdia de Deus? Apenas reencarnando?

    Quem você pensa que Cristo é ?
    Que pensais vós de Cristo? De quem é filho? Responderam: De Davi!
    Como então, prosseguiu Jesus, Davi, falando sob inspiração do Espírito, chama-o Senhor, dizendo:
    O Senhor disse a meu Senhor: Senta-te à minha direita, até que eu ponha teus inimigos por escabelo dos teus pés (Sl 109,1)?
    Se, pois, Davi o chama Senhor, como é ele seu filho?
    Ninguém pôde responder-lhe nada. E, depois daquele dia, ninguém mais ousou interrogá-lo.
    (Mt 22,42-46)

    Esta tolerância mau entendida, vira casa de tolerância.
    Somente se aplica a tolerância a quem esta no erro. Pessoas boas não precisam ser toleradas.
    Quem súplica por tolerância quase nunca deseja sair do erro.
    Ser tolerante com quem errou é catolicidade.
    Ser tolerante com quem esta cometendo o erro é conivência.

  18. Frazão

    Caro Wilson.
    Teu comentário de 22/01/2014 às 18:54
    O que este teu comentário tem a ver com o meu?
    Deixe de apresentar comentários dirigindo-se a uma pessoa, fazendo referências sem ter nada a ver com o assunto abordado em comentário a que você parece dar a impressão de que a ele está se referindo, apenas para soltar palavras ao vento, já que não diz coisa com coisa, como este a que me refiro.
    Agora, como você fez alusão a uma passagem em que Jesus diz “Quem não está comigo, está contra mim (Mt 12,30; Lc 11,23), cito duas, também ditas por Jesus, em que Ele diz, respectivamente, “Pois quem não é contra nós, é a nosso favor” (Mc 9) e “porque, o que não é contra vós, é a vosso favor” (Lc 9,50); como você poderá ver, estamos empatados em 2 x 2 – duas contra e duas a favor; o desempate vai ser no palitinho ou no “cara ou coroa”?
    Portanto, meu caro, se você quer se referir a meus comentários o faça mediante citações ligadas ao assunto por mim abordado neles, e não fazendo vagas referências, sem pé nem cabeça, pois, se você insistir nesse procedimento infantil, vou adotar o mesmo critério que adotei em relação a você, em outros posts deste Blog, e que você fugiu sem responder os meus questionamentos.
    Um exemplo do seu procedimento está no post “Dogmas sem sentido do Espiritismo”, neste mesmo Blog, em que peço resposta a vários comentários meus, conforme este abaixo, do seguinte teor:
    “Jfrazao
    02/04/2012 às 16:47
    Caro senhor Wilson.
    Como vim à cidade, aproveito para responder.
    Teu comentário de 03/31/2012 11:38 AM.
    Na hora em que o senhor responder os meus questionamentos anteriores (todos), podemos começar; não queira com essa tua proposta sair dos questionamentos anteriores, criados pelo senhor mesmo.
    Portanto, continuarei aguardando as respostas para, então, começarmos; não só em relação aos dogmas espíritas, mas em relação aos dogmas de uma forma em geral, para vermos quais os que são os “mais sem sentido” – se os espíritas ou se os católicos…
    Abraços. Frazão”
    Logo, meu caro, no presente post, passe a contestar os meus comentários objetivamente e não venha com vagas referências, pois não os responderei, como já fiz em outros posts ou, simplesmente, passarei a indicar os meus comentários dirigidos ao senhor, e ainda esperando resposta de tua parte…
    Abraços. Frazão
    P.S. Espero que, desta vez, você me responda e não venha com evasivas.

  19. Frazão

    Caro senhor Leniéverson, autodenominado jornalista de senso crítico.
    Teu comentário de 01/02/2014 às 12:30
    Não sou eu quem continua o mesmo, mas, sim, você, pois não apresenta qualquer argumento que possa ser a favor ou contra o assunto ou atitude em debate.
    Veja; o que esse teu comentário tem a ver com o assunto aqui em discussão?
    Você está parecendo aquele garoto chato que, no meu tempo de colégio Salesiano, agente dizia em relação às aporrinhações dele: você parece coroinha o filho de sacristão… Explico: isso era dito porque nós éramos obrigados a assistir a missa todos os domingos e dias-santos, cuja presença era atestada mediante o carimbo efetuado na sacristia, normalmente pelo coroinha que às vezes era filho do sacristão, que fazia toda sorte de sacanagem contra um ou outro e dizia para não reclamar que ele ia dizer ao padre que não carimbou porque o aluno não assistiu a missa.
    Portanto, meu caro, não me venha dar uma de coroinha, pois não preciso mais de carimbo…
    Abraços. Frazão