Defensio Fidei, de Francisco Suárez: campanha de financiamento coletivo

closeAtenção, este artigo foi publicado 2 anos 6 meses 20 dias atrás.

Com um pouco de atraso, gostaria imensamente de divulgar esta campanha – graças a Deus já em avançado curso – de crowdfunding para a edição de «obras fundamentais» à formação de uma alta cultura brasileira. O projeto atualmente em andamento é para a tradução de uma seleta do Defensio Fidei de Francisco Suárez, tratado apologético do século XVII redigido, a pedido do Papa, contra os erros do anglicanismo.

suarez

Nas palavras da própria editora:

O primeiro projeto de financiamento coletivo da Concreta é a tradução compilada de uma obra de fôlego de um dos maiores pensadores da Idade Moderna, o jesuíta, jurista, filósofo e teólogo Francisco Suárez.

O século XVII foi marcante para a história da Igreja Católica na Inglaterra. Desde o reinado de Isabel, os católicos ingleses enfrentavam problemas de perseguição. A tese central da legitimação política do rei segundo a tradição anglicana inglesa centrava-se na ideia de que o príncipe reunia em si a autoridade espiritual e o poder temporal sobre toda a sociedade, obrigando a consciência dos súditos mediante um juramento de fidelidade. Frente a isso, os católicos solicitaram uma resposta do Papa Paulo V, que prontamente convocou o Cardeal Roberto Bellarmino e o Pe. Suarez para redatar, com base no magistério, um parecer sobre o assunto.

A Editora Concreta publicará, em formato 14×21, a tradução de cerca de 300 páginas da obra “Defensio Fidei Catholicae” (1613), de Francisco Suárez, em versão compilada sob a coordenação do prof. Marcus Boeira, com introdução, notas e comentários explicativos.

Em outras palavras, trata-se de uma editora nova e muito promissora, que se destaca por duas principais características:

i) quanto à seleção das obras a serem publicadas, almejando contribuir para a disponibilização, em língua portuguesa, de textos essenciais (dos quais o mercado editorial brasileiro padece de uma indigência atroz) à formação de uma alta intelectualidade; e

ii) quanto aos meios empregados para a produção de suas obras, através de campanhas de financiamento coletivo, divulgadas pela internet, onde o público pode contribuir para o projeto editorial e receber em primeira mão o livro (em formato digital ou físico, exemplares típicos ou personalizados, etc – a depender da cota de contribuição escolhida) que ajudou a publicar.

O Deus lo Vult! contribui com esse projeto e o recomenda aos seus leitores, tanto para a presente campanha quanto para as outras que no futuro virão, se assim aprouver ao bom Deus e for servir à Sua maior glória. Para maiores informações, basta clicar aqui.

Gostou? Compartilhe!Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someonePrint this page

One thought on “Defensio Fidei, de Francisco Suárez: campanha de financiamento coletivo