Uma carta aberta a Hans Küng – por George Weigel

Original: First Things Tradução: Fabiano Rollim Uma carta aberta a Hans Küng 21 de abril de 2010 Por George Weigel Dr. Küng, Há uma década e meia atrás, um ex-colega seu, um dos mais jovens teólogos progressistas no Vaticano II, contou-me sobre uma advertência amigável que lhe teria feito no começo da segunda sessão do Concílio. Essa pessoa, hoje um eminente catedrático em Sagradas Escrituras e defensor da reconciliação judaico-cristã, lembrava como, naqueles dias conturbados, você o levou para dar uma volta por Roma em um Mercedes vermelho conversível, o…

Read more