Declaração da Arquidiocese de Miami

Fonte: Arquidiocese de Miami, 28 de Maio de 2009. DECLARAÇÃO de Dom John C. Favalora, Arcebispo de Miami, sobre a Separação do Padre Alberto Cutié da Igreja Católica Romana Miami • 28 de Maio de 2009 Sinto-me sinceramente decepcionado com o anúncio feito nesta tarde pelo Padre Alberto Cutié de que ele se une à Igreja Episcopal. De acordo com nosso direito canônico, com esta ação, o Padre Cutié se separa a si mesmo da comunhão da Igreja Católica Romana (cânon 1364, 1) ao professar fé e morais errôneas, e…

Read more

A pior das escolhas

O padre Alberto Cutié – aqui citado no início do mês como um exemplo de por que é importante um criterioso discernimento vocacional – anunciou a sua saída da Igreja Católica e a sua passagem para a Igreja Episcopal. Abandonou a Barca de Pedro para se unir à primeira seita herética que o aceitou; rompeu a unidade com a Igreja de Nosso Senhor para fazer parte da primeira “qualquer coisa” que aceitasse um sacerdote que não foi capaz de cumprir as promessas feitas no dia de sua ordenação. “[Q]ue aceitasse…

Read more

Por que é importante um criterioso discernimento vocacional

Notícia escandalosa número um: Arcebispo católico declara-se gay em livro de memórias. Notícia escandalosa número dois: Padre latino é flagrado aos beijos com mulher em praia da Flórida. A reportagem do Estadão apresenta o arcebispo como “um herói para católicos liberais”; a reportagem d’O GLOBO chama o sacerdote de “famoso padre de uma igreja católica de Miami Beach”. Não me parece que a relação entre o “heroísmo” e a “fama” destes sacerdotes e a sua má vida moral seja uma mera coincidência. A Igreja precisa de sacerdotes, sim, mas de…

Read more