O que importa é a luta pela santidade

Após a divulgação da última pesquisa Datafolha que anunciou uma nova redução do número de católicos no Brasil — hoje somos apenas 50% dos brasileiros –, a Folha de São Paulo noticiou que a CNBB comentou os dados dizendo que a «[l]uta por justiça é mais relevante que porcentagem de católicos». O aparente absurdo da declaração deixou a muitos perplexos. Olhemos, no entanto, a questão com um pouco mais de cuidado. Em primeiro lugar, cabe um registro do nosso já antológico mau jornalismo. O primeiro parágrafo da reportagem diz o seguinte: Mais importante que a…

Read more

Sobre manifestações e análises das manifestações

A propósito das recentes manifestações que pululam Brasil afora, as duas notícias abaixo são importantes. Primeira: o MPL botou a bola debaixo do braço e disse que não brincava mais, porque havia «várias (…) reivindicações feitas nos atos [de manifestações]» com uma pauta conservadora demais para os nobres e impolutos ideais esquerdistas dos vândalos que iniciaram a onda de protestos. Segunda: uma pesquisa recente mostrou que o jovem «confia mais em família, Deus e si próprio que no Estado». Os números são impressionantes: «Entre os ouvidos, 53% dizem que o…

Read more

Na Dinamarca, onde o aborto é legalizado, a taxa de mortalidade entre as mulheres que abortam é três vezes maior do que entre as que não abortam

O aborto é intrinsecamente errado porque é o assassinato direto de um ser humano inocente, é um mal em si; e o que é mal em si não pode ser utilizado nem mesmo para se obter um fim bom. Assim, p.ex., supondo-se que certos efeitos bons pudessem decorrer [da legalização] do aborto (p.ex., uma melhoria da saúde das mulheres de um país), ainda assim o aborto não poderia ser aceito. A discussão aqui não é meramente utilitarista, e sim de princípios: se for sempre errado matar um ser humano, então…

Read more

“A maioria dos cidadãos que contataram a central [do Senado] solicitou a rejeição do projeto [de Lei 122]”

Indicando – mais uma vez – que a esmagadora maioria do povo brasileiro é contrária à política de promoção da sodomia que vem sendo sistematicamente aplicada pelos nossos governantes, esta notícia do site do Senado Federal fala sobre as manifestações dos cidadãos ocorridas na última quinta-feira (08/12), dia da votação do PLC 122. Não dá números, mas diz com todas as letras (grifos meus): A audiência para análise do PLC 122/2006, projeto que criminaliza a homofobia, resultou em um número excepcional de manifestações no Alô Senado, nesta quinta-feira (8). A…

Read more

Cresce a confiança na Igreja

Deu no Estadão: Igreja dá salto no ranking da confiança. O subtítulo da matéria diz ainda que, “para pesquisadora, polêmica do aborto na campanha eleitoral impulsionou índice”: Para Luciana Gross Cunha, professora da Direito GV e coordenadora do ICJ Brasil, a controvérsia sobre o aborto travada entre o primeiro e o segundo turno das eleições presidenciais pesou decisivamente para o aumento do índice de confiança na Igreja. O gráfico abaixo foi publicado no site da CNBB, e mostra a evolução no “Índice de Confiança na Justiça” (ICJ) do segundo trimestre…

Read more

“Se o aborto é o problema, o aborto não pode ser a solução”

Ainda sobre a reportagem do Fantástico de ontem, muito oportunas as reflexões da Lenise Garcia, presidente do Movimento Brasil Sem Aborto. Vale a pena ler na íntegra. Destaco: O âmago do problema consiste no aborto em si, sendo falsa a dicotomia entre aborto clandestino “arriscado” e aborto legal “sadio”, pois nenhum aborto é saudável, nem ética, nem social, nem psicologicamente. Se o aborto é o problema, o aborto não pode ser a solução.

Read more

America Latina é contra o aborto

Foi publicado em ZENIT e também no La Jornada (mexicano): a América Latina é fortemente contrária ao aborto. Este estudo é importante para desmentir as reivindicações das entidades abortistas de estarem falando “em nome do povo” ou em atenção a um “clamor popular”. Não existe nenhum “clamor popular” a favor do aborto; o único clamor que existe é para que a vida humana seja respeitada desde a concepção e, os assassinos, sejam punidos. A maior parte das pessoas ainda não sucumbiu à barbárie moral e à completa inversão de valores…

Read more

As contradições morais de um mundo sem Deus

Leio no Diário de Pernambuco que uma em cada sete brasileiras já fez aborto. Não sei se a pesquisa merece crédito, uma vez que a “principal autora do estudo” é ninguém menos que a senhora Débora Diniz. Para quem não conhece, é a mulher que processou (e, pasmem, ganhou na Justiça) o pe. Lodi por este a ter chamado de abortista. Mesmo ela defendendo publicamente o aborto… Concedamos, para argumentar, que os dados da pesquisa sejam verdadeiros, e 15% das mulheres brasileiras entre 18 e 39 anos já tenham praticado…

Read more

Um quarto da população brasileira é protestante

Uma pesquisa da Folha de São Paulo de ontem – reproduzida pelo blog da Comunidade Shalom – diz que os protestantes já são 25% da população brasileira. Vergonha para esta Terra de Santa Cruz, que primeiro recebeu a semente do Evangelho regada pelo sangue dos mártires e, agora, vê-se dividida por entre uma multidão de seitas que, qual aves de rapina, esfacelam o Evangelho por meio de suas interpretações pessoais da mensagem do Salvador. Um em cada quatro brasileiros é protestante! Destes, um número provavelmente muito alto é de ex-católicos…

Read more

Vocações recentes para a vida religiosa

[Fonte: National Religious Vocation Conference. Tradução: Pedro Ravazzano. Observação: a pesquisa completa é muito mais detalhada; cliquem acima para ver.] Vocações Recentes para a Vida Religiosa Center for Applied Research on the Apostolate (Centro de Pesquisa Aplicada sobre o Apostolado) Georgetown University, Washington, DC Agosto 2009 Vocações Recentes para a Vida Religiosa: Relatório para a Conferência Nacional de Vocações Religiosas Mary E. Bendyna, RSM, Ph.D. Mary L. Gautier, Ph.D. Tradução: Pedro Ravazzano Sumário Executivo: Este relatório apresenta os resultados de um estudo recente de vocações à vida religiosa na América,…

Read more