A carta de um soldado

Fonte: 30 Giorni Publicamos um trecho da carta de um soldado piemontês que fazia parte da guarda de Pio VII no exílio em Savona. A carta, conservada no Arquivo Episcopal de Alba, foi publicada nas Atas do Congresso Histórico Internacional (Cesena-Veneza, 15-19 de setembro de 2000). “Savona, 12 de janeiro de 1810 […] Eu, que era inimigo dos padres, preciso confessar a verdade, pois sou obrigado. […] Pelo tempo que o Papa esteve preso neste palácio episcopal, e vigiado não apenas por nós, mas também dentro de casa, posso lhes…

Read more