Três curtas

closeAtenção, este artigo foi publicado 8 anos 26 dias atrás.

Rede TV é condenada a indenizar casal de lésbicas. Acho bem possível que isto seja culpa da Rede TV e venha a favorecer o Gayzismo tupiniquim, infelizmente. Convenhamos, o programa da Luciana Gimenez não prima pela impassionalidade científica…

O problema está na utilização desta monstruosidade gimenezca para legitimar o Gayzismo como um todo, do tipo “ah, tá vendo, as pobres meninas foram humilhadas em cadeia nacional, então é urgente criminalizar a homofobia”. Eu acho bem possível que elas tenham de fato sido (dado o teor do referido programa), embora não acredite que elas tenham ido como cordeiro ao matadouro. Só que, como já cansamos de repetir, o Movimento Gay não quer as justas e razoáveis proteções, e sim a enaltação do homossexualismo e a criação de uma nova casta de cidadãos, os super-gays.

É a mesma coisa com relação aos assassinatos de homossexuais: obviamente um gay não pode ser espancado até a morte, nem ninguém. Mas o Gayzismo pega esta tragédia, chama-a de um outro termo – “homofobia” – que engloba uma série de outras coisas (muitas das quais justíssimas) e pretende coibir todas elas, reclamando contra a “homofobia”, passando assim gato por lebre. Estou com a sensação de que a mesma coisa está sendo feita com relação à Rede TV.

Norte-coreana pode ter sido morta por portar a Bíblia. E a perseguição religiosa continua violenta mundo afora, diante da impassividade cínica da sociedade moderna que se esqueceu de Deus. Detalhes: a “Coreia do Norte foi qualificada como o pior perseguidor de cristãos durante sete anos consecutivos na Lista de 2009 de Open Doors Watch” e, lá, os “norte-coreanos são obrigados a praticar um culto à personalidade que inclui Kim Jong-Il e seu falecido pai”.

A única vantagem de se viver (p.ex.) em Cuba é crescer alimentando a Fé com os gritos de Viva Cristo Rei! dos mártires enviados ao Paredón. Afinal, o sangue dos mártires é semente de cristãos, e a mesma coisa se verifica na Coréia do Norte: “[a]pesar da perseguição, estima-se que cerca de trinta mil norte-coreanos praticam o cristianismo em seus lares e em segredo”.

– Mais lixo no site da Conferência Episcopal dos Bispos do Brasil: Carta às Irmãs e aos Irmãos das CEBs e a todo Povo de Deus. Senhores bispos, por Cristo Crucificado, tenham misericórdia do povo católico desta Terra de Santa Cruz! É extremamente doloroso simplesmente não poder contar, dada a história recente, com a Conferência Episcopal do maior país católico do mundo. É um verdadeiro martírio estar sempre na iminência de receber, dos sucessores dos Apóstolos escolhidos para pastorear a Igreja de Deus no Brasil, coisas estranhas à Sã Doutrina Católica. É uma vergonha que a CNBB preste o desserviço à Igreja que ela parece estar empenhada em prestar.

Deixar-se “guiar na celebração pelo som dos maracás, tambores e flautas e pela dança de louvor a Deus de nossos irmãos e irmãs indígenas”? Ser tocado pela “oração dos Xerente do Tocantins que celebraram seu ritual pelos mortos, homenageando o amigo e missionário, Pe. Gunter Kroemer”? Beber “o manancial da fé que nos une a todos e todas, na única família humana, como filhos e filhas da mesma Mãe-Terra, a Pacha-Mama dos povos andinos, a Terra sem Males dos Povos Guarani, na busca, sonho e construção do Reino de Deus anunciado por Jesus”? “AMÉM! AXÉ! AUERE! ALELUIA!”?

Senhores bispos, não permitam que a Religião Verdadeira ande de mãos dadas com o paganismo estéril. Não deixem que Nosso Senhor seja colocado no mesmo panteão de Belial. Tenham a coragem de serem aquilo que devem ser. Tenham piedade do povo católico brasileiro.

Gostou? Compartilhe!Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someonePrint this page

4 thoughts on “Três curtas

  1. Michele Oliveira

    Nesse domingo tivemos mais uma lista de preces insanas no folheto dominical(vide rezar para que países subdesenvolvidos parem de ser explorados por nações mais ricas e outras de teor semelhantemente esquerdista).Eu, já não aguentando mais, tive a oportunidade, ao padre abrir para preces espontaneas, de defender a Santa Igreja. Fiz com que todos rezassem para que a Teologia da Libertação fosse de vez extirpada da Igreja, TL já condenada por Nossa Senhora de Fatima(Ela condenou o comunismo, mas o que é a TL senão um instrumento do mesmo?).Ao falar isso, o padre(que eu tenho quase certeza que é da TL – ele não é o oficial da minha paróquia, por isso não posso afirmar) arregalou os olhos em minha direção, muito surpreso.Eles acham que Cristo está indefeso, mas pelo menos agora viu que não é tão simples assim.O que me incomoda mais é o alto clero , que deveria cuidar das almas e da Igreja, cuspir em cima de Deus sem dó.Bem diz São Joao Bosco que os catolicos sofrem mais no inferno do que os de outras religioes.
    O gayzismo ganhará muito mais batalhas, tenho quase certeza de que tudo o que eles quiserem(“casamento”, leis “anti-preconceito”, adoção, aborto) será aprovado.Mas não vamos nos render sem lutar.

  2. Blog Mallmal

    “A única vantagem de se viver (p.ex.) em Cuba é crescer alimentando a Fé com os gritos de Viva Cristo Rei! dos mártires enviados ao Paredón. Afinal, o sangue dos mártires é semente de cristãos”

    Pô, Jorge. São esses comentários desnecessários e beirando a insanidade que te fazem ter fama de Torquemada…

  3. Jorge Ferraz Post author

    Mallmal,

    Rapaz, eu nunca liguei para a “fama” que eu tenho entre os da tua trupe. Mas é engraçado: são os católicos que vão para el Paredón, e é o católico que tem fama de Torquemada…

    Abraços,
    Jorge

  4. César

    “No segundo dia, prosseguimos com o VER, com uma pincelada sobre a conjuntura atual na esfera sócio-política e econômica, apresentada por Pedro Ribeiro de Oliveira, na perspectiva das mulheres, por Julieta Amaral da Costa e do ponto de vista ecológico, por Leonardo Boff”

    Esse lixo politico está no texto do link da CNBB que você colocou no blog. Sinceramente, a CNBB ou um bispo permitir que Boff pareça católico é um escândalo. Nunca vi esse apóstata falar nada que tenha a ver com a Doutrina da Igreja. Só aparece para alimetar o ódio contra ela. Michele Oliviera, obrigado por ajudar na resistência.

    Eu pensava que era melhor o Papa esperar para tomar alguma providência contra os Bispos apóstatas brasileiros para não causar um cisma mas já começo a achar que é melhor colocar logo os pingos nos is, nem que tenhamos que viajar para achar um bispo e um padre legítimos. Prefiro, do que passar por essas “orações” do folhetinho O Domingo e ter que viver pensando que temos que respeitar esses lobos em pele de cordeiro da CNBB.