“Um belo poema sempre leva a Deus”

Eu não conhecia este poema do Mário Quintana (na verdade, eu nem sei se é verdadeiro ou apócrifo). A despeito de uma certa irreverência, gostei bastante dele quando o li recentemente. Por conta principalmente de dois versos: “Tu quiseste dizer a Verdade e disseste a Beleza”, por um lado, e “a Beleza é a forma angélica da Verdade”, por outro. Já devo ter citado algures a frase (que, se muito não me engano, é de Dostoiévski) segundo a qual a Beleza salvará o mundo. E o Pe. Z até há…

Read more