Nota da CNBB sobre as “Católicas pelo Direito de Decidir”

[Não é de hoje; tem já três anos, e foi publicada por ocasião da Campanha da Fraternidade cujo tema era a “defesa da vida” – e cujo material (posteriormente recolhido), desgraçadamente, continha também intervenções das próprias “Católicas pelo Direito de Decidir”. Como não mudaram as referidas senhoras, no entanto, esta desautorização da CNBB é válida até hoje. Perceba-se, aliás, o que não teve que ser necessário para que tal grupo tenha merecido uma nota de desaprovação da CNBB por defender “vários pontos contrários à doutrina e à moral católicas”… Fonte:…

Read more

Os uivos dos revolucionários

Duas reações de entidades revolucionárias à recente polêmica envolvendo o kit-gay em particular e a “homofobia” em geral são dignas de serem mencionadas. A primeira é esta cretina carta das auto-intituladas “Católicas pelo Direito de Decidir” à senhora presidente da República. Em um raro momento de sinceridade e de deposição das máscaras, as satanistas infiltradas dentro da Igreja Católica destilam todo o seu ódio religioso. Leiam-no; se eu fosse destacar o que é mais importante antes de comentar, terminaria por colocar metade do artigo aqui no post. Em particular, apenas…

Read more

Líder pro-aborto: “Não vamos recuperar o terreno perdido”

[Tradução (bem) livre do original publicado em “Notifam” no final do mês passado. Às vésperas do dia da vida (também aqui), é muito interessante conhecermos esta auto-crítica feita pelo movimento pró-aborto.] WASHINGTON, Distrito de Colômbia – 28 de fevereiro de 2011 (Notifam). Frances Kissling, ex-presidente das “Católicas pelo Direito de Decidir” (Catholics for Choice) e uma importante figura dentro da comunidade pró-aborto, aconselhou ao movimento pró-aborto que não continue ignorando a humanidade do bebê concebido, antes que a onda popular pró-vida leve por água abaixo [tire por la borda] todas…

Read more

Dois curtas aviltantes

1. Excomunhão imposta por Dom José é desaprovada (para assinantes). “[U]ma pesquisa do Ibope encomendada pela ONG Católicas pelo Direito de Decidir mostra que 86% dos católicos discordam da decisão tomada pelo então arcebispo de Olinda e Recife, dom José Cardoso Sobrinho”. Nem sei por onde começar. Não sei se dá para confiar, antes de tudo, nas pesquisas encomendadas (a expressão é excelente!) por estas senhoras. Depois, Dom José não “impôs” excomunhão nenhuma, mas apenas citou a punição automática prevista pelo Código de Direito Canônico, como já foi ad nauseam…

Read more

Retrospectiva…

Comentando as notícias que me chegaram durante a Semana Santa e só agora pude ler: – A IstoÉ (!) publicou uma reportagem em defesa do sacerdócio feminino – incrível! O que sabe a IstoÉ sobre o assunto para se prestar a fazer esta propaganda de baixíssimo nível contra a Igreja Católica? A julgar pela reportagem, bem pouca coisa. Limito-me a indicar os que já se deram ao trabalho de pôr a descoberto os erros grosseiros da revista: Marcio Antonio [“uma das piores coisas da matéria é ignorar completamente a existência…

Read more

CFFCs agradecem a Mons. Fisichella

[Publico uma apressada tradução de alguns trechos de um artigo não muito recente (é do dia 23 de março), mas muito importante. É da autoria da senhora Frances Kissling, nada menos do que a “former president of Catholics for a Free Choice” – versão internacional das “Católicas pelo Direito de Decidir”. Fala o artigo sobre o grande favor que Dom Fisichella fez às pessoas que, agora, podem discutir a possibilidade do aborto direto ser, em alguns casos, um “mal menor” aceitável. Grazie, Monsignore! O original está aqui. Rezemos pela Igreja.]…

Read more

CDD’s, aborto e impunidade

As abortistas pelo direito de matar – piada! – denunciaram estar sofrendo perseguição. Sofreram uma denúncia de fazerem “apologia ao aborto e facilitação de crime”. Não sei o que estas senhoras fazem à boca miúda, nas conversas privadas, nos eventos que organizam; no entanto, em uma palestra na UFPR, a sra. Rosangela Talib teria dito (de acordo com a denúncia) que a organização passa informações às mulheres sobre “profissionais e serviços [que] prestam atendimento seguro”. Apressaram-se as assassinas a declarar que só o fazem para os casos de “aborto legal”…

Read more

Revés das CDDs em Salvador

As abortistas pelo direito de matar – conhecida associação de senhoras que se dizem católicas e que, no entanto, são militantes a favor do aborto – estavam com um “encontro” agendado para este final de semana (dias 07, 08 e 09 de novembro) numa casa de religiosas em Salvador. O absurdo foi denunciado prontamente pelo pe. Adilton Lopes, da Arquidiocese da cidade. Após alguns emails de protesto, a Superiora Geral da congregação religiosa responsável pela casa onde o evento iria ocorrer, Ir. Gilvania dos Santos, escreveu-nos dizendo que, tão logo…

Read more

Escândalo em São Paulo

Paciência tem limites… O ensino da Igreja sobre o aborto é claro e cristalino: não é permitido o assassinato de inocentes sob nenhuma hipótese. Também as orientações da Igreja sobre a participação dos leigos na política é extremamente clara: João Paulo II, na linha do perene ensinamento da Igreja, afirmou repetidas vezes que quantos se encontram directamente empenhados nas esferas da representação legislativa têm a “clara obrigação de se opor” a qualquer lei que represente um atentado à vida humana. Para eles, como para todo o católico, vale a impossibilidade…

Read more

Palhaçada anunciada

STF vai ouvir grupos sobre aborto de fetos anencéfalos. Como previu acertadamente o Rodrigo Pedroso num email enviado quando saiu a notícia do falecimento de Marcela de Jesus, É de supor-se que agora o min. Marco Aurelio cumpra sua promessa de colocar em votação no STF a ADPF 54 (ação que pede a legalização do aborto no caso de anencefalia), já que não precisa mais temer a presença em plenário do “argumento-vivo”. E a notícia publicada no Estadão cumpre à risca aquilo que já era de se esperar: O ministro…

Read more